Sunday, November 6, 2011

Falta-me 1h de vida

A última carta - Até já

Se tivesse 1h de vida não estaria certamente agarrado a um papel e caneta a escrever. Estaria onde deveria estar!Dizer o que já disse ou o que devia ter dito! Fazer o que devia ter feito ou refazer!
São estes três verbos que comandam: Estar, Dizer e Fazer.
Aos meus pais diria o quanto gosto deles e agradeço o que fizeram e fazem por mim, pois tudo ou quase tudo que sou a eles o devo.
Às minhas irmãs por quem tenho grande carinho, estaria com elas a brincar e a idealizar novos projectos, mesmo podendo não os realizar, poderiam elas fazê-lo.
À família da Rita, especialmente aos pais, estaria e diria obrigado pela ajuda e presença no alargamento da família.
À prof. Paula um obrigado pela ajuda, partilha e crescimento científico e humano.
Com a Rita estaria num abraço, num simplesmente existir como se não houvesse mais mundo à volta, apenas nós. Diria o quanto a amo, que por vezes não o digo nem o faço com gestos. Faria... o que houvesse tempo.
Se estivesse sozinho, tal como estive agora para realizar esta carta, pensaria sobre o que fiz, disse e estive.
Tenho 1 artigo a enrolar há algum tempo, se não o fiz, vou fazê-lo.
As minhas fotos desorganizadas, vou organizá-las.
Tudo o que fiz não me poderei arrepender de nada, mas sim significado de crescimento!
A todas as pessoas que magoei apenas gostaria que qualquer uma delas esteja bem.
Muitos mais foram aqueles com quem sorri e partilhei a vida.
São todos aqueles que estiveram, aqueles que estão e aqueles que imaginei que estariam que me fizeram ser quem sou e a quem eu agradeço.
Agradeço pelo Dom da Vida!
Sem Deus, nada disto teria sido possível e com ele tudo acontece.
Se um dia sonhei ser algo que não fui e não o sou é porque nunca seria para acontecer.
Pois acredito que na vida nada acontece por acaso.
Eu não existo/existi por um acaso e a minha missão foi



Assim morri.
Em que o tempo acabou e tanta coisa ficou por descobrir.
Por vezes andamos às voltas com coisas que não interessam e não procuramos aquilo que nos pode tornar um sinal mais.
A vida serve para ser vivida! Pois no céu... no céu vamos ter a vida eterna. Mas enquanto na Terra teremos mesmo de viver da melhor maneira para chegar ao encontro dos nossos pedaços que já lá estão à nossa espera.
E o re-encontro será a cinco - eu, os outros, o Pai, o Filho e o Espírito Santo.


O Caminhante

P.S. - A uma primeira vista parece que me esqueci dos amigos, mas nunca me esqueço deles e como não me esqueço estão sempre comigo. Pois verdadeiros amigos temos poucos e são para toda a vida!
Foto tirada numa praia da Califórnia, USA.

2 comments:

Catarina said...

Lindo... fiquei sem palavras e com umas lágrima... Obrigada :)

anaritapsicologicamente said...

Seremos cinco para Toda a VIDA :) Ganhei agora mais de uma hora de VIDA! Um sorriso